03/07/2009

Ajuda

Porque este não é só mais um dos que caem nas nossas caixas de correio, pedimos a máxima atenção para o apelo feito pela Dr.ª Cláudia Oliveira Martins, Juiz de Direito no Tribunal de V. N. Gaia. Conto com a disponibilidade de todos e traga um amigo também, aquando da deslocação de potenciais dadores junto deste Tribunal. Obrigada!

"Ex.mos Senhores Advogados,
A um colega do meu filho, com seis anos de idade, foi diagnosticada uma leucemia linfoblástica aguda (um tipo de leucemia que faz com que as células que normalmente se transformam em linfócitos se tornem cancerígenas e substituam, de forma rápida, as células normais da medula óssea).
Infelizmente, tal menino não tem nenhum dador compatível na sua família, razão pela qual, e apesar dos tratamentos de quimioterapia a que se vem submetendo, a sua única esperança passa por encontrar, a tempo, um dador compatível de medula óssea.
Profundamente sensibilizada com a situação, contactei o Centro do Histocompatibilidade do Norte e apurei que é possível a deslocação de uma “brigada” para recolha de sangue de potenciais dadores ao Tribunal Judicial Vila Nova de Gaia desde que, pelo menos, cinquenta pessoas manifestem interesse em tornar-se dadores (numa primeira fase é um procedimento simples sendo apenas necessário preencher um formulário e fazer uma análise ao sangue).
Por essa razão e a fim de aferir da viabilidade de tal deslocação, apelo a todos aqueles que tendo entre 18 e 45 anos e estejam interessados em tornar-se dadores de medula óssea que manifestem junto da Delegação da Ordem a sua disponibilidade para tal no mais curto prazo possível (para possibilitar a recolha ainda antes do dia 15 de Julho.
Com os melhores cumprimentos,
Cláudia Oliveira Martins"

Mail para vilanovadegaia@del.oa.pt ou plousinha@gmail.com

1 comentário:

A Senhora disse...

Do lado de cá, fica a torcida para que ele consiga o doador.

Beijos.