05/07/2008

...

No dia em que sem Presidente e Vice os cinco vogais que restavam do Conselho de Justiça decidiram tomar em mãos as decisões sobre os vários processos do Apito Final, foi negado provimento aos recursos do Boavista, de Jorge Nuno Pinto da Costa e de Jacinto Paixão. Com dúvidas, falta de bom senso e um valor jurídico que até pode ser questionado, a descida é mantida, o meu Boavista está na IIª, na Vitalis, na de Honra. Sim, de hoje não podia passar, é que os sorteios das competições profissionais estão marcados para a próxima segunda-feira... Viva o quórum!
Curiosamente, ou nem por isso, acabo de ouvir em repetição Olga Roriz no Pessoal... e Transmissível da Telefonia Sem Fios, cantar a Carlos Vaz Marques que o que lhe faz falta é a música.
Gosto de ti Olga, também por esta simplicidade.
Também a mim a música me faz falta. Aquela que canto, aquela que permito que me cantem e aquela que gosto mesmo que me cantem.
Infelizmente muitas vezes levo com todo o outro tipo de música. Aquela que de melodia nada tem.
Mas tenho fé. Fé no regresso de partituras melodiosas.

3 comentários:

382 U disse...

bem, tu que és advogada, deves ser capaz de me esclarecer uma dúvida que acho ser formal:
existe uma acta assinada por quem de direito que deu a reunião por terminada.
5 manfios decidem reunir-se e decidir coisas nas costas e à revelia, parecendo mais um golpe de estado. Mas tomam decisões e suspendem o presidente que, por acaso, assinou a acta.
a minha duvida é a seguinte: se a reunião estava terminada e a acta escrita, todas as decisões posteriores não são decisões, ou qq um pode (daqueles 5 manfios), após o final do jogo ir lá marcar um golito?
Se a acta é válida, quem convocou a reunião pós-janta? essa reunião é a mesma ou é outra nova?
atendendo a que todos são advogados, e parecendo haver pano tanta lenha para alguém se queimar, a Ordem não deve tomar medidas contra ou uns ou outros?

Vap disse...

Para responder é melhor pagar primeiro a consulta.

Patricia Lousinha disse...

:)
Neste momento estou a jiboiar...