14/05/2008

Santo Ivo


"Glorioso Santo Ivo, lírio da pureza, apóstolo da caridade e defensor intrépido da justiça, vós que, vendo nas leis humanas um reflexo da lei eterna, soubestes conjugar maravilhosamente os postulados da justiça e o imperativo do amor cristão, assisti, iluminai, fortalecei a classe jurídica, os nossos juízes e advogados, os cultores e intérpretes do Direito, para que nos seus ensinamentos e decisões, jamais se afastem da equidade e da retidão...."

Reza assim a primeira parte da Oração a Santo Ivo, Padroeiro dos Advogados, Advogado dos Pobres.
Vale a pena a leitura do artigo publicado no Boletim da Delegação de Santarém, da autoria do Dr. Arnaldo Marques da Silva.

Este ano as comemorações realizadas pela Ordem dos Advogados podem ser consultadas aqui.

Na Delegação de Gaia, e com a preciosa colaboração do Conselho Distrital do Porto, estará patente uma exposição dedicada a Santo Ivo. Coisa comezinha, mas nem por isso de marca menor!

6 comentários:

Pedro Aniceto disse...

O Santo Ivo é do Benfica!

filipe m. disse...

E o que raio vão vocês fazer para Lamego?... comer presunto?

Patricia Lousinha disse...

Realmente nasceu no século XIII e, como todos sabem, o 13 é O número... Muito bem observado!
Mas em qualquer caso, não injurie o Santo, faz favor ;)

Nem mais Filipe! Entre outras coisas, a malta vai comer presunto! Ó, oh.

JM Coutinho Ribeiro disse...

Presumo que Lamego tenha sido uma escolha dessa grande figura poética que é o João Rebelo :-)
Pois, Patricia, a coisa não me tenta. Pelas razões as mais diversas, a maior das quais o facto de ainda não ter esquecido os 5.000 km que fiz (em 2004), dia sim, dia sim, para um julgamento em Lamego que teimava em não acabar. Nem o presunto, nem a Serra das Meadas, nem a boa companhia me entusiasmam.

Ah. Ainda temos que tratar daquele assunto. Não estou esquecido e já sabe que quando não digo que não, é porque é sim. mas acho que podíamos tornar aquilo mais atractivo e tenho ideias para isso. Temos que conversar. E se se pudesse mudar a hora...

Pedro Aniceto disse...

Eu quero ir a esta "coisa" que vocês andam a ameaçar fazer há uns tempos. Já há data?

Patricia Lousinha disse...

Fez mal, Excelência, perdeu (digo eu, que gosto de dizer estas coisas) um dia bem agradável. A Delegação de Lamego está de parabéns!
Fico contente em saber que quando não diz que não, é porque é sim. :)

Para que conste, a malta não faz ameaças, ora. Que coisa!
E não é data, são datas, Excelência Aniceto. :)