16/12/2007

Delegação de Vila Nova de Gaia - Eleições

Porque as "eleições para a OA" ainda não terminaram e no próximo dia 21 (sim sexta-feira quando até entramos em férias e a 3 dias do Natal) a Delegação de Vila Nova de Gaia vai a votos.

É público que faço parte e integro, com muito gosto, a actual direcção da Delegação. Faço parte da lista que agora se apresenta.

Uma lista de continuidade, é certo, mas que terá dois novos membros (Pedro Pinto Monteiro e Andreia Ferreira).
A Elisabete Grangeia e o André Osório de Castro vão para o CDistrital.

E como sempre a transparência, trabalho e dedicação naquilo que fazemos, todos sem excepção, foi a nossa maneira de estar com, na e para a Ordem, não iríamos manter uma equipa que apesar de sempre ter funcionado bem e com rigor, estaria a meio gás...

As razões e a apresentação de uma candidatura,aqui

7 comentários:

Pedro Aniceto disse...

Força, boas campanhas e felicidades para a lista.

Patricia Lousinha disse...

Obrigada!

H disse...

Eu..se fosse advogado e se fosse de gaia, votava nessa lista!

JM Coutinho Ribeiro disse...

Ora bem: como vivo em Gaia, mesmo sendo na pontinha, de trombas para o Porto, será que posso votar?

Patricia Lousinha disse...

Obrigada Excelências, H e Coutinho Ribeiro!
É muito gratificante, acreditem, palavra de honra, ler estas linhas.
A "campanha" não anda a ser nada bonita...
E tenho pena. Muita pena. Por tudo.
Por perceber que efectivamente tudo é política.
E por saber que as Excelências ou são "só" juristas ou apesar de causídicos se encontram inscritos no outro lado do Rio...

JM Coutinho Ribeiro disse...

Eu não lhe tinha dito isso, faz tempo? Mais do que política, é poder. E o poder transtorna.

Patricia Lousinha disse...

É, realmente tinha, tem razão Excelência.
Mas eu continuo a não pensar na Ordem e em muitas outras coisas como política e poder.
Tudo menos política. E muito menos poder. E fico mesmo desolada quando percebo que sou, de facto, uma "outsider" neste Mundo em que vivo. Não sou "calimero", atenção! Sofro é do síndrome do "desenquadrada"...
Mas continuo a acreditar no ser Humano e nos princípios e valores.
Tonta? Sonhadora? Otária?
Se calhar sou. Se calhar daqui a 10 anos pensarei de forma diferente.
Mas para já é assim que pauto a minha incipiente Vida.