26/04/2005

26 de Abril

Só mesmo em Portugal para, passados trinta e um anos, existir sempre alguma coisa a dizer sobre a Revolução dos Cravos, existir sempre mais uma palestra, uma conferência, um debate. O feriado já não chega?
Mas até entendo. É que daqui a 100 anos, aposto, ainda vão descobrir alguma coisa nos arquivos da Torre do Tombo...

2 comentários:

Carlos Azevedo disse...

E passados 2005 anos, ainda se comemora o nascimento de Cristo! Poequê? Porque é importante para muitos. Faça um esforço e, "mutatis mutandis", aplique o mesmo raciocínio ao 25 de Abril.

Anónimo disse...

Carlos Azevedo? O bispo???